Todos os dias cada um de nós visita dezenas de websites, e em cada um deles encontramos ou sentimos diferentes tipos de experiências, umas melhores e outras piores. Algumas vezes quando temos essas experiências que consideramos boas, atribuímos inconscientemente um género de pontuação ao website, neste caso positiva. Outra vezes quando temos experiências consideradas negativas, atribuímos uma pontuação negativa. Estas impressões que tiramos da nossa utilização enquanto visitantes e leitores fica para sempre. Se visitámos um website que tinha uma interface horrível, dificilmente lá voltamos e dificilmente esquecemos o porquê de não voltarmos.

É extremamente importante para os desenvolvedores e proprietários de websites promover a boa estadia dos visitantes nos seus websites, providenciando-lhes aquilo que eles necessitam. Cada um de nós enquanto desenvolvedores devemos tirar lições das nossas passagens por outros websites, e podemos utilizar exemplos maus e não os fazer, ou utilizar os bons e replicá-los à nossa medida. Agora todos querem saber, o que necessitam os leitores? Vamos-lhe mostrar 20 Dicas Para Melhorar a Experiência do Usuário em seu site para responder a essa questão! Obrigado aos amigos do Hong Kiat pela inspiração com o seu artigo.

1. MAIS OPÇÕES DE REGISTRO

Os utilizadores gostam muito de poder fazer o seu registro com aplicações que já existem, como o Facebook, a conta do Google, Yahoo, AOL, entre outros. Por isso, em prol da satisfação e experiência do utilizador, porque não facultar-lhe essas opções e facilitar-lhe a vida? Irá ter a sua vida facilitada além de facilitar a dos seus visitantes. Certamente irá cair nas boas graças de muitos deles, logo com este detalhe à partida.

2. MAIS OPÇÕES DE LOGIN

Os utilizadores não gostam que lhes ditem as regras num jogo que é seu. A grande maioria dos websites estipula que o login deverá ser feito apenas através do nome de utilizador ou do e-mail, nunca dando a hipótese de escolher entre ambos. Basta de limitações, dê a oportunidade de o utilizador fazer login ou com o nome de utilizador, ou com o e-mail. Você estará a marcar pontos a seu favor!

3. NÃO LIMITE O TAMANHO DA PASSWORD

Infelizmente há quem limite o tamanho da password a utilizar pelo utilizador. Isto poderá irritar muito boa gente, principalmente se a limitação for de 6 ou 8 caracteres, que é extremamente pouco. E os utilizadores que gostam de utilizar passwords mais seguras com 15 ou mais caracteres? Terão de utilizar uma diferente claro – Isto se não desistirem antes de fazer o registro!

4. CONFIRMAÇÃO DE E-MAIL

Será que necessita realmente da confirmação de e-mail? Muitos websites insistem nesta matéria mas a maior parte dele não necessitaria de o fazer, pois nem sequer confirmam nada no e-mail. Os utilizadores não gostam de ser incomodados com coisas sem jeito. Não cometa o erro de importunar as pessoas só porque é bonito.

5. CAMPO CAPTCHA

Necessita mesmo do campo CAPTCHA? Para aqueles que não sabem o campo CAPTCHA é aquele campozinho chato com letras muito difusas e algumas incompreensíveis que é introduzido em algumas partes do website, como o registo e o login. Faça um favor a si mesmo, não introduza este campo onde não é necessário – Não peça aos seus leitores para preencherem um campo CAPTCHA para acederem ao forum do seu website ou a qualquer outro sítio que não faça muito sentido isso lá estar, você vai estar enfurecendo as massas!

6. REGISTRO E LOGIN JUNTOS

Este item consiste em tornar as coisas o mais simples possível: Na página de registro, permita fazer login. Na página de login, permita fazer registro. Na página inicial, tenha estes 2 itens visíveis e alcançáveis fácilmente. Os utilizadores gostam de fazer as coisas rapidamente para não perderem tempo – Então porque não facultar-lhes o registo e login logo ali à mão?

7. EVITE QUESTÕES REDUNDANTES

Não peça por detalhes que não são precisos para nada. Será que o seu website necessita mesmo de saber o endereço do utilizador? O código postal? O utilizador vai-se perguntar o porquê de tantas questões só para fazer o registro no raio do website. Deixe esse tipo de detalhes para quem precisa mesmo, não peça ao utilizador coisas que não são mesmo necessárias, mantenha os processos simples e rápidos.

8. TORNE-SE SOCIAL

Normalmente os desenvolvedores e proprietários dos websites gostam que publicitem o mesmo. Então porque não dar oportunidade de os nossos leitores partilharem com outras pessoas aquilo que gostaram? Você só tem a ganhar com isso, o seu website terá mais visibilidade e publicidade gratuita! Dê a oportunidade de partilhar no Twitter, Facebook, e outras redes sociais e vai ter muito mais prospecção e visibilidade pela internet fora!

9. QUANDO FALHAR, FALHE BEM

Parece impossível falhar bem mas não é. Practicamente todos os websites têm erros, e hoje ou amanhã o seu website vai falhar. Alguns dos seus visitantes irão dar de caras com uma página de erro, e naturalmente você não consegue adivinhar quando é que os erros vão acontecer ou como é que vão acontecer. Então para que quando esses erros ocorrerem, os seus visitantes não ficarem a ver navios, crie uma página de erro 404 atractiva e acima de tudo útil – Além de um gracioso pedido de desculpas, introduza um campo de pesquisa (que funcione preferencialmente!) e um link para a página principal do seu website. Fica sempre bem e irá surpreender os seus visitantes, que não estão habituados a ver este tipo de página de erro nos outros websites.

10. UTILIZE UMA INTERFACE AMIGA

Uma boa comunicação entre o utilizador e o seu website é um ponto essencial no bom entendimento entre ambos. A interface do seu website deverá ajudar o visitante a circular por entre os conteúdos, conteúdos esses que deverão ter a informação mais importante logo à vista, e todo o website deverá ter uma acessibilidade de 100%. Quer isto dizer que nunca o visitante terá de ir para uma página através de navegação de três. Seja produtivo, facilite a navegação dos seus visitantes, é para isso que eles lá estão: navegar o seu website.


11. CONHEÇA OS SEUS UTILIZADORES

É muito importante você conhecer os seus leitores e visitantes, os seus interesses, as coisas que eles mais gostam, o seu estilo, e poder utilizar estas informações em seu benefício – Mostre-lhes que se preocupa com eles e faça o design e layout da sua página apropriado, começando por utilizar uma linguagem que eles entendam. O conhecimento é poder, utilize-o!

12. PENSE NOS SEUS OBJECTIVOS

Pense quais são os seus objectivos, como poderá o seu website ajudá-lo a atingi-los? Crie uma lista e compare-a, pergunte aos seus visitantes e verifique os resultados. Será que o seu website preenche os requisitos? Se não atinge, o que fazer para atingir? È este tipo de questão que terá de colocar para avançar mais um passo. Não deixe para amanhã o que pode fazer hoje!

13. PRODUZA BOM CONTEÚDO

Este é um item da lista que se calhar você já se estava perguntando quando é que ele vinha. É óbvio que bom conteúdo é uma grande parte do sucesso de qualquer website. Pense assim: Imagine um Ferrari F50 sem motor, e um Renault Clio com motor. Qual deles é mais útil? O Renault claro. Então não crie um website todo fashion e com um design fantástico sem conteúdo que se aproveite – Você vai estar a deitar abaixo tudo aquilo que já trabalhou e a matar a hipótese de o seu website ter sucesso. É realmente importante ter conteúdo de qualidade, não despreze esse item!

14. ACTUALIZE

É muito penoso para a imagem de um website quando um visitante chega e encontra conteúdo antigo, com meses ou anos, completamente abandonado. Para actualizar não é necessário fazer grandes mudanças, pense em detalhes. Os detalhes fazem a diferença, a utilização do Twitter e demais redes sociais pode ser uma boa maneira de manter algumas partes do seu website sempre actualizadas e com bom aspecto. Pense em grande, utilizando pequenos detalhes. Os seus visitantes e o Google irão adorar isso.

15. TORNE-O ATRACTIVO

Pense como se fosse um visitante e perceba aquilo que gostaria de ter num website para que este fosse mais atractivo e divertido. Pense em desenvolver uma comunidade em torno do mesmo, onde os seus leitores comunicam entre si partilhando ideias e experiências. Uma comunidade só tem tendência para crescer, os seus visitantes irão partilhar com os amigos, e com mais amigos e tudo se torna numa bola de neve que vai engrossando cada vez mais. Permita que os seus visitantes participem activamente no seu website, será sempre uma mais valia para si.

16. REDES SOCIAIS

Ter o nosso website espalhado pelas redes sociais pode ser um bom movimento de marketing para atrair mais visitantes e leitores assíduos. Você provavelmente enquanto visitante em outro website, gosta de ver que o mesmo tem X seguidores no Twitter, X fans no Facebook entre outros. Tire partido das redes sociais e mostre-o ao mundo! Na Escola Dinheiro temos vários artigos fantásticos sobre as redes sociais e como potenciá-las que recomendo a leitura, como o artigo 10 Aplicativos Para Melhorar a Sua Página de Fãs do Facebook, enquanto que na Escola WordPress tem um artigo que ensina a mostrar ao mundo as suas estatísticas das redes sociais, Como Criar Contadores de Subscritores, Seguidores e Fãs como o da Escola Dinheiro? não perca mais tempo visite já!

17. SEJA CUIDADOSO

A produção de conteúdos pode muitas vezes ter contornos mais controversos aos olhos de quem os lê. Tente não criar conteúdos que possam ofender susceptibilidades, isso não lhe trará uma boa imagem garantidamente. Ser produtivo e criativo tem muito que se lhe diga e muito por onde abrir caminho, e normalmente falar mal de alguma coisa é sempre o caminho mais fácil a seguir. Seja diferente e crie conteúdo útil, consiso e que realmente tenha interesse para quem você está a escrever. Se tem um website sobre carros não escreva sobre galinhas, ninguém que visita o seu website tem interesse nisso!

18. TESTE A SUA CRIAÇÃO

Você provavelmente terá a ideia que o seu website é fantástico e tem zero falhas. Okay até pode ser verdade, mas porque não testá-lo? É importante, mesmo na fase de desenvolvimento, testar o seu website. Mesmo que o seu website passe no teste com distinção, a maneira como as pessoas utilizam a internet está em constante evolução, e com a chegada em força dos tablets e dispositivos com touch screen, se calhar mais tarde ou mais cedo você irá necessitar de adaptar o seu website para a utilização com estes dispositivos. Se tiver acesso a um, teste o seu próprio website e perceba onde este tem de ser alterado para poder ser utilizado por quem os usa.

19. DÊ USO AO FEEDBACK

Quando os seus utilizadores lhe dão feedback, eles estão empenhados em que você melhore ou continue a fazer alguma coisa. Esta é uma das formas de eles exprimirem a sua opinião e transmitirem-lha a si. É muito importante que dê bom uso ao feedback e não o deixe cair em saco roto. Obviamente que nem 100% do feedback lhe irá ser útil, portanto também terá de saber ser selectivo e perceber o que é que realmente lhe poderá ser útil como ideias para o futuro. Dê ouvidos aos seus visitantes, se eles lhe transmitem feedback, é porque se preocupam.

20. NÃO DEIXE PARA AMANHÃ

O pior que poderá fazer a si mesmo depois de ler todos estes itens que o ajudarão a melhorar o seu website e como pensa relativamente a ele, é não fazer nada. Se leu todos estes pontos, não desperdice o tempo que utilizou e tire alguma utilidade disto. Pegue em alguns dos pontos e comece já a trabalhar neles! Não irá demorar muito tempo até perceber que realmente resulta e que tem algum fundamento, e para além do mais, não lhe vai roubar assim tanto tempo para executar! Uma dica muito importante: Melhore o seu website sim, mas um passo de cada vez – Não tente fazer tudo ao mesmo tempo, vai dar problema!

E VOCÊ, VAI FAZER ALGUMA COISA?

Depois de ler todos estes itens, irá fazer alguma coisa útil em seu website? Ou será que já tem algumas dessas coisas implementadas? Deixe o seu comentário e leia os comentários dos outros leitores da comunidade Escola Criatividade! Participe já!

Abraço e até já!

 

Autor: Diogo Espinha

Blog do Autor | Artigos do Autor:

Workaholic e totalmente viciado em computadores, Internet e desporto motorizado. Adora praticar desporto, é um curioso da programação em PHP, CSS e HTML5 e não dispensa a companhia do seu Mac OSX 86 Snow Leopard!

  • Explorer - Factory Construction & Ship Building Joomla Theme
  • Justice - Attorney and Law Firm Joomla Template
  • OwnFolio - One Page Personal Portfolio / vCard / Resume / Showcase Joomla Template
  • Big Business - Responsive Template
  • Merab - Creative Multipurpose Drupal 8 Theme
  • Fitness Academy Joomla Template
  • Fruition - Business Joomla Template
  • Educate | Education & Courses, Kindergartens Joomla Template
  • Constructive - Contractors Multipurpose Joomla Landing Page Theme
  • Vina Bubox - VirtueMart Joomla Template for Online Stores
  • BizOne - One Page Parallax Drupal Theme
  • LawHouse - Responsive Lawyers Attorneys Joomla Template

Gostou deste artigo? Então torne-se fã do Blog no Facebook!



Comentários dos Alunos


  1. Deivid Medeiros
    17 de março de 2011

    A tradução do texto ficou boa! :)



    • Diogo Espinha
      17 de março de 2011

      Olá Deivid, obrigado pelo seu comentário e palavras tão graciosas!

      Abraço



  2. @eulerdesign
    18 de março de 2011

    Muito útil as dicas Diogo, curso “tencologia em sistemas para web” porem design é o meu forte e é o que venho estudando paralelamente a faculdade para agregar valor na parte que ocupo em uma empresa de desenvolvimento de sites e aplicações. Como fico com a parte de design, layout, Html e css, gostaria de saber se você teria ai uma dica a respeito de melhorias na experiência do usuário mais na parte de design, pode ser livros ou mesmo artigos…

    Muito bom o post.

    Abraços.



  3. Joendel
    20 de março de 2011

    acho que vale apena implementar algumas dessas técnicas…



  4. Ricardo
    24 de julho de 2014

    Olá, Diogo!
    É a primeira vez que venho até este site e me surpreendi com as informações. Eu também tenho um blog e depois de ler o seu conteúdo, acredito que seja necessário eu dar uma arruma no meu blog.
    Obrigado pelas dicas.


RSS
Twitter
Facebook
Comentários
ASSINANTES
SEGUIDORES
FÃS
COMENTÁRIOS
7794

Subscrever Newsletter
Subscreva a Newsletter:



Aplicativos Android, iPhone e Muito Mais!




Assine a Escola Criatividade Assine a Newsletter da Escola Criatividade Escola Criatividade no Twitter Escola Criatividade no Facebook Escola Criatividade no Youtube Escola Criatividade no Google Buzz