Efeitos visuais, gráficos em movimento, aberturas e créditos de filmes, essas são algumas das tarefas que você pode realizar com o After Effects (AE). Se interessou? Então, seja bem-vindo ao primeiro artigo sobre essa ferramenta de pós-produção, composição e animação aqui no Escola Criatividade.  Nesse artigo você vai descobrir como começar a trabalhar com o AE, criando composições, importando e organizando seus materiais e usando os controles de preview para ver seu projeto. Agora Clique no ícone do AE e vamos começar.

iniciação after effects

Você precisa saber que o After Effects assemelha-se muito ao Photoshop, possui muitos dos efeitos do PS, muitos dos recursos são parecidos e inclusive as duas ferramentas possuem uma ótima integração. Ou seja, quem já conhece a ferramenta de edição de fotos da Adobe, terá certa facilidade em aprender sobre o After Effects. Mas, claro, que é preciso se adaptar e aprender a ajustar sequências de frames, animar composições, criar movimentos dentro de uma linha do tempo cheia de keyframes.

A PRIMEIRA IMPRESSÃO NÃO É A QUE FICA

Lembre dessa frase quando começar a “brincar” ou trabalhar com o After Effects. Sim, ele parece complicado a primeira vista, mas ele não é assim, ele é um programa cheio de possibilidades, que dá trabalho e como qualquer outro software de criação precisa de você para funcionar.

COMPOSIÇÕES

A composição é sua tela de trabalho. Ela fica na janela central do After Effects e possui as dimensões X e Y como no Photoshop e, também, pode conter a dimensão Z. Além disso, toda composição possui uma duração, que é o tempo. Para criar uma composição, você deve acessar o menu Composition>New Composition ou clicar no ícone New Composition na janela Projeto.

Ao abrir uma nova composição você terá diversas opções para ajustar antes de começar seu projeto.  A primeira delas é o tamanho do quadro com o qual você irá trabalhar. O After Effects ofece diversos Presets. Aqui vai depender para o que você está produzindo, se é para TV convencional, DVD, Blu-ray, internet, dispositivos móveis, HDTV ou Cinema.

TAMANHO DA TELA

  • Para TV convencional (Standard ou SD),  você vai optar entre os presets NTSC ou PAL que são os sistemas utilizados pelas TVs, dependendo da região (país) onde o material será exibido. No NTSC, o tamanho do quadro é 720×480 (DV) ou 720×486 (D1). No PAL é 720×576 (D1/DV). No caso do Brasil, você vai utilizar os projetos NTSC, DV ou D1, dependendo da emissora para onde vai o material.
  • Os DVDs adotam os mesmos tamanhos da TV convencional, – 720×480 (0,9) ou 720×480 Wide (1,22) – veja que é possível criar projetos em 16:9 (Widescreen).
  • No caso do HDTV, o tamanho é 1920×1080, que é o que chamamos comumente de FULL HD. Existe ainda o que chamamos 720p, que tem o tamanho 1280×720.
  • Os Blu-rays tem as mesmas possibilidades do HDTV.
  • O Cinema pode utilizar os tamanhos Film 4K (4096×3112) e Film 2K (2048×1556).
  • Os dispositivos móveis possuem diversos tamanhos, assim como a internet também, variando de acordo com cada projeto.

PIXEL ASPECT RATIO

A opção Pixel Aspect Ratio, possui diferentes ajustes. Em resumo, essa opção determina o aspecto de cada pixel. O HDTV (Full HD) possui 1920 pixels na horizontal e 1080 na vertical, sendo o Pixel Aspect = 1,0. Isso significa que os pixels tem o mesmo tamanho na vertical e na horizontal, ou seja, são quadrados. No caso do HDV 1080, o tamanho é 1440×1080 e o Pixel Aspect é 1,33, sendo que cada pixel tem o formato de um retângulo. Com isso, os dois formatos acabam tendo o “mesmo tamanho”, sendo que o HDTV tem mais definição por ter mais pixels na horizontal. Particularmente, prefiro criar meus projetos em composições 1920×1080, square pixel (1,0), por não ocorrerem distorções nas imagens ou gráficos animados.

FRAME RATE

Outro detalhe a ser observado é o Frame Rate (Taxa de Quadros) que é o número de frames (quadros) existentes em 01 segundo de um vídeo. Os padrões de TV possuem 29,97 quadros por segundo, o cinema utiliza, normalmente, 24 quadros por segundo e alguns tipos de animação para internet ou até mesmo filmes feitos quadro a quadro, usam taxas menores para diminuir o tempo de produção. Dica:  experimentem criar Composições com Frame Rate diferentes e ver as diferenças no visual. Você pode usar isso como uma forma de linguagem.

Diferente do Photoshop, onde você escolhe a resolução (dpi) da tela de trabalho, no After Effects, todos os projetos utilizam 72 dpi, que é a resolução de qualquer vídeo digital.

PROJETO E ORGANIZAÇÃO

Criando uma composição, várias janelas estarão habilitadas, como a Composition (Centro da tela) e a Timeline (parte inferior), as quais entenderemos em outro artigo. Agora vamos focar na Janela de Projetos (Project), onde todos os arquivos importados, composições e elementos criados estarão disponíveis.

Para importar arquivos, sejam vídeos, músicas, fotos, arquivos PSD ou AI, basta clicar 02 vezes na janela ou usar o atalho CTRL (CMD) + I, escolher o arquivo e ele estará em seu projeto, pronto para ser utilizado em suas composições.

A aba de projetos serve também para organizar seus arquivos. Costumo criar diferentes pastas para organizar os materiais que vou utilizar, bem como as Composições, para encontrá-los mais facilmente no projeto. Se mesmo assim você não encontrar os arquivos é possível utilizar o campo de busca.

  •  Importante: para colocar um vídeo na Timeline é preciso primeiro importá-lo para dentro do projeto. Então, basta arrastá-lo para a Timeline.

DÊ PLAY NO SEU PROJETO: ENTENDENDO O PREVIEW

Para completar esse primeiro artigo sobre o After Effects, você vai precisar saber como ver o que está fazendo em seu projeto no AE. Para quem está acostumado com programas de edição, como Final Cut, Premiere ou Sony Vegas, é normal querer usar a barra de espaço para visualizar o trabalho feito no AE. Usando a barra de espaço, seu vídeo ou animação irá tocar, porém, não na velocidade correta, em Real Time. Pois é, isso acontece porque a Timeline do After precisa ser renderizada, calculada para que você possa ver seu vídeo como ele realmente é. Para isso, existe a janela de Preview, situada a direita na tela do After Effects. Experimente importar um vídeo para seu projeto e jogue ele na Timeline (para isso basta arrastá-lo da janela Project para a Timeline)

Basicamente, o que esta janela faz é carregar o preview de sua composição para a memória RAM. Ao clicar no Botão RAM Preview, o AE inicia esse processo e você verá os frames serem carregados na Timeline. Assim que estiver completo o Preview (Barra verde na Timeline), você poderá dar Play e ver seu vídeo em Real Time.

Existem ajustes que podem ser feitos na janela de Preview. Em Resolution, você ajusta a resolução do vídeo para fazer previews mais rápidos ou com maior qualidade.

Outra opção é o Skip, que permite pular 01 frame ou mais a cada um renderizado, também utilizado para deixar o render mais rápido, já que você diminui o número de Frames a serem carregados.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Neste primeiro artigo sobre o After Effects, você conheceu a Janela Projetos, utilizada para organizar seu projeto e onde você pode ver todos os materiais, composições, vídeos de seu projeto. Além disso, vimos como criar uma nova composição e ajustá-la de acordo com a necessidade de seu projeto. Por fim, você descobriu como reproduzir a Timeline com a Janela Preview, necessária para carregar os frames de seu projeto. Esses são apenas os primeiros passos para aprender mais sobre o After Effects. No próximo artigo, vamos explorar melhor a Timeline do After Effects, entender como se faz uma animação utilizando as propriedades básicas de uma camada (Layer), o que são os keyframes, quais são e o que fazem cada um dos tipos de interpolação entre os keyframes. Até a próxima galera.

Um grande abraço e ótimas ideias a todos.

Fonte da imagem: Adobe. Encore/Aspect Ratios.

 

Autor: adrianodorda

Blog do Autor | Artigos do Autor:

Blogueiro fundador do AEdicas, formado em Comunicação Social e apaixonado por Edição de Vídeo e Motion Design.

  • Explorer - Factory Construction & Ship Building Joomla Theme
  • Justice - Attorney and Law Firm Joomla Template
  • OwnFolio - One Page Personal Portfolio / vCard / Resume / Showcase Joomla Template
  • Big Business - Responsive Template
  • Merab - Creative Multipurpose Drupal 8 Theme
  • Fitness Academy Joomla Template
  • Fruition - Business Joomla Template
  • Educate | Education & Courses, Kindergartens Joomla Template
  • Constructive - Contractors Multipurpose Joomla Landing Page Theme
  • Vina Bubox - VirtueMart Joomla Template for Online Stores
  • BizOne - One Page Parallax Drupal Theme
  • LawHouse - Responsive Lawyers Attorneys Joomla Template

Gostou deste artigo? Então torne-se fã do Blog no Facebook!



Comentários dos Alunos


  1. André Darugna
    24 de outubro de 2012

    Parabéns garoto!
    Há anos, quando encarei meu primeiro projeto de After Effects queria ter encontrado um post tão fácil de compreender como este. A série então, será maravilhosa!
    Estou certo de que muitos se apaixonarão pelo AE, um excelente software que vai ampliar as possibilidades de trabalho de qualquer profissional de publicidade e design.

    Abraço.



  2. Roberto
    11 de janeiro de 2013

    Cara, maravilhoso seu site, mostra realmente de forma clara e objetiva tudo que alguém que deseja saber para iniciar seus projetos! Continue assim, produzindo ótimas informações para seus visitantes que buscam qualidade na informação!



  3. Julian Kaminski
    8 de fevereiro de 2013

    Adriano, primeiramente quero te agradecer por dividir um pouco do seu tempo e conhecimento deste incrível software. Espero que continues com as dicas e desde já te desejo muito sucesso! Obrigado!



  4. João
    28 de março de 2014

    Olá, Adriano.
    Muito bom seu artigo. No caso do HDTV qual o tamanho e resolução das fotos a serem usadas?
    Grato.
    João


RSS
Twitter
Facebook
Comentários
ASSINANTES
SEGUIDORES
FÃS
COMENTÁRIOS
7794

Subscrever Newsletter
Subscreva a Newsletter:



Aplicativos Android, iPhone e Muito Mais!




Assine a Escola Criatividade Assine a Newsletter da Escola Criatividade Escola Criatividade no Twitter Escola Criatividade no Facebook Escola Criatividade no Youtube Escola Criatividade no Google Buzz